A importância da doação de sangue

Artigo - Paciente 1 (20-06-2018)

Um mês, uma cor e uma questão ligada à saúde em destaque. Em junho, há três anos, foi eleito o vermelho para lembrar a população da importância da doação de sangue.
 
A escolha não foi por acaso, já que em 14 de junho celebra-se o Dia Mundial do Doador de Sangue – data estabelecida pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em 2004.
 
Neste período do ano, o país experimenta a queda das temperaturas e, em seguida, as férias, que provocam uma baixa de comparecimento de doadores: os estoques de sangue caem, em média, até 50%. Essa queda em um banco de sangue pode provocar um desequilíbrio no fluxo de funcionamento dos hospitais, por exemplo.
 
Por isso, é de extrema importância um olhar mais atento para a doação de sangue. Dentre os principais tipos sanguíneos, o O+ e o O- são os com maior utilização em cirurgias e transfusões e cujos níveis despertam maior preocupação nos estoques dos hemocentros. Faça a sua parte!
 
Você sabe o que é necessário para ser um doador?
Para doar sangue, é preciso ter entre 16 e 69 anos de idade, pesar mais de 50 Kg, estar descansada (ter dormido, pelo menos, 6 horas nas últimas 24 horas), estar alimentada (evitar alimentação gordurosa nas 4 horas que antecedem a doação) e apresentar documento original com foto recente. Também é preciso estar atenta ao intervalo entre doações. Mulheres devem esperar 90 dias entre um procedimento e outro; já os homens têm que aguardar 60 dias.
 
Impedimentos definitivos:
• Hepatite após os 11 anos de idade.
• Evidência clínica ou laboratorial das seguintes doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue: Hepatites B e C, AIDS (vírus HIV), doenças associadas aos vírus HTLV I e II e Doença de Chagas.
• Uso de drogas ilícitas injetáveis.
• Malária.

Share

NOTÍCIAS RELACIONADAS:

Ver Outra Notícia
CEPEM Exame

Affirm Prone 3D – O novo sistema de biópsia mamária em 3D

No processo de rastreio de nódulos da mama, uma etapa decisiva é a realização de ...

Veja mais

CEPEM Vacinas

Você está em dia com o calendário de vacinas?

A imunização facilita o controle e a erradicação de doenças que podem ser preven ...

Veja mais

CEPEM Médico

Formas de prevenção para as doenças femininas mais incidentes no Brasil

O Dia Internacional da Mulher amplia o debate em relação à conscientização sobre ...

Veja mais

CEPEM Médico

Saúde ginecológica da mulher em pauta

No Brasil, para 2019, estima-se o surgimento de 16.370 novos casos de câncer de colo ...

Veja mais